13 maio 2013

Dia das mães


Desde que eu me senti mãe, desde que vi pela primeira vez meu pequeno no ultrassom, minha vida mudou completamente.
É inexplicável a sensação de gerar o seu filho, de sentir que ele precisa de você mais que tudo, que precisa que você seja forte, que você não chore só para que ele não sinta.
Sentir a primeira mexida, aquela sensação maravilhosa!
Eu, como a maioria das mães jovens, tem que lidar com muitos obstaculos, primeiro, cair a ficha de que isso realmente tá acontecendo, depois, contar aos pais, e principalmente lidar com as pessoas em volta, que muitas vezes nos olham com receio, como se isso fosse uma coisa anormal. Ter que lidar com perguntas indiscretas, olhares de repreensão.
Mas tudo isso vale a pena, porque hoje me sinto completa, me sinto maravilhosa, porque sei que Deus me consedeu essa graça, essa dádiva, que é ser mãe.
Cada dor, cada noite mal dormida, cada dia sem poder tomar um banho tranquila, ou dormir tranquila, cada coisa quebrada em casa, dormir na beradinha da cama porque ele ta acupando todo o espaço, TUDO, tudo vale, só de saber que um sorriso do meu filho vai me alegrar mesmo eu não estando bem, mais o sorriso dele é como uma luz que ilumina meu dia.
Eu agradeço muito a Deus por eu ter ele, eu vivo por ele e morro por ele.
É o motivo de eu acordar todos os dias com um sorriso no rosto!


 ----

 Minha mãe, o que dizer da minha mãe. Ela é simplismente maravilhosa, que sempre esteve e sempre está ao meu lado, me ajudando, me apoiando, me dando xingos, conselhos, colo. É a minha inspiração, quem me ensinou tudo que sei hoje, e quem me faz ser cada dia uma mãe melhor. 
Mãe, seu único defeito é não ser eterna! Eu te amo s2


2 comentários:

Vitoria Aparecida disse...

Que lindas palavras, Barbara !

Bjinhos

Mamãe Mayara Lima disse...

OI amigah...

Parabens! feliz dia das mães (atrasado) rsrs

seu filho está lindo.

http://mah-pink.blogspot.com.br/

bjiinhus

Postar um comentário

Comente! Eu e o Arthur adoramos.
E volte sempre na nossa página. :*